Domingo, 19 de Setembro de 2021 02:53
[email protected]
Cidades Convidados

Joema Carvalho escreve sobre "A Bruxa e o Vampiro". Mini-conto com humor e perspicácia

Prosa&Poesia

13/09/2021 10h09 Atualizada há 5 dias
384
Por: Mhario Lincoln Fonte: Joema Carvalho
capa
capa

A BRUXA E O VAMPIRO

Joema Carvalho*

Um vampiro e uma bruxa conheceram-se em uma cidade do interior. Estavam envolvidos em um grupo de trabalho holístico. Depois que o serviço encerrou, mantinham contato por rede social.

O vampiro observava o movimento da bruxa.  Pensou tentar uma primeira abordagem. Queria convidá-la para jantar. 

 Tinha marcas. Havia se envolvido em vários relacionamentos ao longo de sua eternidade. Machucou várias mulheres e monstras. Fora machucado. 

Depois de alguns séculos, um novo ser chamava-lhe a atenção.  Queria saber se o sangue dela era azul ou verde? Qual seria o seu gosto? Daria vontade de mais ou iria amargurar a sua solidão de gosto neutro. Que tempero seria aquele que depois de tanto lhe abria o apetite?

Era uma bruxa. Ela poderia prendê-lo em uma gaiola quando estivesse em sua forma vulnerável. As raspinhas da asa dele poderiam ser utilizadas para mandinga. 

Sentiu necessidade de consultar uma psicóloga. Estava inseguro. Não sabia lidar com aquele sentimento. Não queria mais viver um ciclo vicioso. Depois que via a vítima extirpada em sua frente, retomava a consciência e percebia o que havia cometido. O outro fora transformado em espelho. Nada mais horripilante do que a sua própria imagem defronte de si. 

Observou a natureza e entendeu que tudo que existe precisa de alimento: plantas fazem fotossíntese, os animais, incluindo os humanos, comem seres vivos e mortos, fungos se alimentam de seres em decomposição e os vampiros sugam sangue. Estava tudo certo. 

Decidiu viajar por alguns dias. Arrumou a sua casa. Desfez-se do que não servia mais. Abriu espaço. 

Enviou uma mensagem para a bruxa. 

- Nunca mais voltamos a nos encontrar? Como você está?

A bruxa que que sempre era muito ela, respondeu:

- Quando é para duas pessoas se encontrarem, não precisa de esforço, flui.

- Costumo controlar a ordem natural das coisas. Se não tiver compromisso, gostaria de convidá-la para jantar.

- Um vampiro controlador querendo sair com uma bruxa? Hahahaha!!!

- Estou correndo risco de virar tempero de unguento.

- Não utilizo tempero barato.

- Sou envelhecido, funciona com vinho.  

- Não faço vinho. 

O vampiro estava decidido.

- Este é o meu medo. Dois monstros não têm muito o que perder. Concorda em sair comigo?

- Prezo pela minha autonomia de voo.

Naquela penumbra de lua nova, alguém viu uma bruxa na sua vassoura ao lado de um morcego. Um gato passou por cima do muro e quebrou o vaso. O uivo dos cães terminou no canto do urutau.

Joema Carvalho, Curitiba – PR, engenheira florestal, doutora, perita. Autora do livro Luas & Hormônios, selecionado e editado pela Secretaria do Estado da Cultura (2010). Participação em várias coletâneas nacionais e internacionais e em projetos literários. 

----

Contato:

https://www.instagram.com/joemacarvalho/

https://web.facebook.com/luasehormonios

Livro da autora

https://www.amazon.com.br/Luas-Horm%C3%B4nios-Joema-Carvalho-ebook/dp/B08P1Z987P

17 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Curitiba - PR
Atualizado às 02h52 - Fonte: Climatempo
16°
Nevoeiro

Mín. 15° Máx. 27°

16° Sensação
6 km/h Vento
100% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (20/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 30°

Sol com algumas nuvens
Terça (21/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 28°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias