Quinta, 19 de Maio de 2022

Nuvens esparsas

Curitiba - PR

Blogs e Colunas Março: Mês da Mulher

Mulher Babaçu faz uma homenagem a todas as mulheres deste país, e para as Mulheres do Maranhão

Edição Especial da Coluna e TV da Mulher Babaçu

11/03/2022 às 18h09 Atualizada em 14/03/2022 às 22h02
Por: Mhario Lincoln Fonte: Mulher Babaçu
Compartilhe:
capa
capa

VÍDEO DA TV DA MULHER BABAÇU:

Homenagem às Mulheres Maranhenses

Clique abaixo e assista ao Vídeo, na íntegra:

AS MULHERES DESTAQUES ESCOLHIDAS PELA COLUNA DA MULHER BABAÇU

Goreth Pereira.

Abertura com a Cordelista GORETH PEREIRA, Poeta cordelista e artista plástica.

Inspiração poética aos dez anos de idade. Mais teve sua primeira obra publicada aos 29 anos, ainda numa varrição quando ainda era gari. 

Hoje com quatro obras publicadas ,sempre levando a poesia social e o cordel  como forma de valorização de qualquer categoria do trabalhador e principalmente da sua ex categoria de gari.Hoje acadêmica do terceiro semestre de letras português pela Uniasselvi. 

Participação de lançamento  várias Bienais. Agraciada com troféu Gonzagão. Participação em uma Fliporto. Festa Literária de Pernambuco. Membro da APB (Academia poética Brasileira) Membro da AMT (Academia Maranhese de Trovas) e membro correspondente da  Academia Capixaba de Letras e Artes de Poetas Trovadores . Doutora Honoris Causa (Ordem Altíssima do Mérito trovador Aldemar Tavares).

 

HOMENAGEM ÀS MULHERES

Quando Deus fez a mulher 

Fez com muita atenção 

Deu a Adão um profundo sono

E criou a mais bela obra então. 

Está obra é a mulher 

Que gerou uma vida então 

E digo a todos os homens 

Zele-a com dedicação 

    Goreth Pereira

Orquídea Santos.

Jornalismo

ORQUÍDEA SANTOS. É jornalista profissional, formada na UFMA. Logo após o falecimnento de sua mãe, Flor de Lys, assumiu a coluna e o programa de TV (SBT/Difusora). atualmente é digitalinfluencer e conserva sua coluna impressa no Jornal Pequeno, em São Luís-Ma. O que é mais aplaudida em Orquídea é o que ela herdou da mãe. A filantropia. Ele ajuda direta e inderetamente várias entidades e apoia o trabalho social, participando de muitas atividades. Isso completa, realmente, o trabalho vigoroso de suas colunas nas Redes Sociais. Integra a FEBRACOS.

Nilmar Rocha.

Delegada da Polícia Investigativa

NILMAR DA GAMA ROCHA. Mais conhecida como "dama de ferro", Delegada de Polícia Civil. Tem uma atuação brilhante. Uma das melhores delegadas do Maranhão. Respeitada por seu braço forte e suas ações dentro da Lei, conduzindo as lides por onde passou com muito dinamismo e credibilidade. 

Enide Dino.

Humanisno

D. Enide Moreira Lima Jorge Dino, da Fundação Antônio Jorge Dino, tem uma vida ilibada com destaque especial em sua luta constante contra os maldizeres do Câncer em nosso Estado. Presidente da Fundação "Antonio Dino", o Hospital do Câncer, rece todas as homenagens mereceidas por ser uma mulher de fibra que nunca desistiu de seus sonhos, mesmo quando a luta teve que ser triplicada para garantir o funcionamento desse hospital que é referência, não só no Maranhão, mais em outros estados vizinhos. Portanto, D. enide, receba nossos gloriosos parabéns. Uma verdadeira lição de Humanismo. 

Rita Oliveira.

Bibliotecária 

RITA OLIVEIRA, Coordenadora da Biblioteca José Sarney. Tem lutado muito na melhoria para servir a comunidade. Inclusive, ficou deveras feliz com a assinatura de contrato para a reforma da entidade: “A gente aguardava há muito tempo por essa reforma. A estrutura estava com problema e não víamos a hora de uma ação para melhorar esse espaço que é tão importante para a educação de todos. Estou muito feliz e agradeço ao prefeito Eduardo Braide por ter atendido a um pedido nosso”.

Jeisa Moraes.

Gastronomia

Jeisa da Silva Moraes, maranhense de Lago da Pedra, Produtora Cultural, Pesquisadora, Ex-Presidente da Favela do Samba (oito vezes campeã, sendo sete vezes consecutiva), especialista na gastronomia regional, tendo sido finalista do concurso “Desafio do Arroz”, promovido pela TV mirante, no ano de 2021. Merecidamente é uma das mulheres destaques deste Maranhão.

Com Uimar Jr.

Teatro

As irmãs Nascimento Leda, Lucia e Leila. Representam a dramaturgia da nossa cidade. Todas tem curriculos invejáveis em suas áreas. Inclusive com prêmios internacionais. elas contribuem e muito para a realização da dinâmica dos movimentos da arte teatral em São Luís do Maranhão, tendo atuado ao lado de grandes atores maranhenses, nacionais e estrangeiros. Sem dúvida, as irmãs Nascimento são destaques merecidamente.

Flávia Bittencourt.

Música/Intérprete                                     

Nascida em São Luís do Maranhão, Flávia Bittencourt é cantora, compositora e atriz. Fez curso de Licenciatura em música na Universidade do Rio de Janeiro (Unirio 2009-2013) e também cursou cinema na “Susan Batson Studio”em Nova York no ano de 2017. Flávia Bittencourt iniciou sua carreira na adolescência e hoje, com 4 álbuns lançados já se apresentou em várias cidades do Brasil,  Europa, passando por Paris, Toulouse, Nice, Toulon e Marseille - França, Lisboa – Portugal, Roma – Itália e Bruxellas – Bélgica, Estados Unidos e África. Com o CD "Sentido", de 2005, Flávia Bittencourt foi pré-selecionada para o Grammy Latino e para o Prêmio Tim de música, além de ter a música “Terra de Noel” incluída na trilha-sonora da novela América da TV Globo.

Caption

Cultura Popular 

Izidora Serrão Maia, natural de Guimarães, é militante do campo popular da cultura maranhense: Coreira, Boieira, Costureira e promotora de várias obrigações de cunho religioso, entre as quais a Festa de Santa Luzia e a Festa do divino Espírito Santo. Neste mês de março comemora seus 70 anos de existência. Uma mulher cheia de otimismo. Por onde passa enche de alegria e recebe as homenagens que so ela mesma merece. Por isso, a Mulher Babaçu a incluiu nesta lista de Mulheres Maravilhosas.

Caption

Atriz e Performer

Linda Barros, natural de Pastos Bons, sul do Maranhão. É atriz, faz do grupo Teatro Improviso, é escritora com três livros publicados e vários artigos, em sites e jornais. É pós-graduada em Artes Cênicas, Dança Educacional e Língua Portuguesa. Integra a Academia Poética Brasileira, cujas publicações ultrapassam os 1 mil acessos. Linda Barros é uma mulher dinâmica e de raciocínio rápido. Por isso, recebe esta homenagem diante de tantos aplausos que recebeu ao longo do ano passado.

Kelly Araújo.

Quilombola

KELLY ARAÚJO. Educadora Popular e Mestra em História pela Universidade Federal do Maranhão; É remanescente da Comunidade Quilombola Santo Antônio dos Pretos em Grajaú-MA e desde 2019 atua na capital em pautas ligadas ao protagonismo juvenil e questões étnico-raciais. Merece todos os nossos aplusos por essa luta constante.

Rosa Ewerton Jara.

Cinema

ROSA EWERTON JARA.  Atriz/ dançarina, em ação há mais de 40 anos, aprendendo no teatro, na dança e no cinema. Premiada em alguns festivais de cinema, com o curta Aquarela,  com os longas Signo das Tetas e Boi de Lágrimas. Esperando a estreia do filme Betânia,  rodado nos Lençóis maranhenses, onde viveu a personagem Jucélia, junto a um elenco 100% maranhense.

Clara Vidotti.

Artes Plásticas

CLARA VIDOTTI. Artista Visual graduada em Licenciatura em Artes Visuais - UFMA. Estreiou com a exposição "DNA Artístico", no Espaço de Arte Márcia Sandes (Procuradoria Geral de Justiça - Centro). Filha do artista plástico Fábio Vidotti, ela apresentou vários trabalhos de pintura e desenho feitos desde quando era criança. Para conceber as telas figurativas com temas juvenis, Maria Clara Vidotti utilizou as técnicas de aquarela e óleo sobre tela. Os desenhos, a maioria monocromática retratando pessoas, são feitos a lápis. "Gosto principalmente de retratar a figura humana, destacando expressões e emoções", disse. Assim, ele merece o nosso destaque.

Tealma Lopes.

Artes Visuais em todos os segmentos de técnicas

TELMA LOPES. Tem desenvolvido belos trabalhos em nossa codade. Aposentou-se como cenografista pela Rede Globo onde trabalhou mais de 20 anos. Vale destacar que muito de suas obras nos remetem à cidade natal dela. São José de Ribamar. Por exemplo, as imagens criadas com folhas secas e tonalidades sépias - mostradas em recente exposição - retomam a memória da artista, que nasceu em São José do Ribamar, no Maranhão. As 20 obras também são inspiradas no primeiro artista que Telma Lopes viu nos livros de história: Jean Baptiste Debret.

Caption

Patrimônio 

KÁTIA BOGÉA. Representa a força do patrimônio municipal e nacional. Tem como marca o respeito a memória. Historiadora, pesquisadora e autora de livros sobre temas do patrimônio brasileiro. Foi servidora do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) por 38 anos, onde exerceu o cargo de superintendente do Iphan no Maranhão por 13 anos e presidente do Instituto por 3 anos. Há três anos, 135 brasileiros que representam a diversidade de nossa sociedade, se uniram em torno de um objetivo em comum e criaram a Fundação Brasil Meu Amor (FBMA). Sem fins lucrativos, a Fundação tem como missão contribuir para a construção da unidade na mais extensa diversidade do mundo - o Brasil. Ou seja, construir um País unido, que reconhece a grandeza de seu passado, se desenvolve no presente e colabora para a criação de um futuro diferente.

Jaciane Santos.

Escrivã.

Jaciane Monteiro Santos. Escrivã de policia civil do estado do Maranhão. Uma das forças jovens da Polícia Civil, destacando-se por sua atuação dinâmica e pela seriedade em seu trabalho. Por isso tem recebido muitos elogios e goza dos respeito de seus colegas de trabalhos, inclusive de seus superiores, demonstrando ser uma pessoa altamente competente no que faz. Por isso, ela é um dos destaques, escolhidas pela Mulher Babaçu. 

Wanda Moura.

Delegada Wanda Moura

Chefe do departamento de feminicidio. Coordenadora do Departamento feminicidio do Maranhão. Delegada Wanda Moura Leite, vem se destacando desde a Superintendência de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP). agora, nessa nova função, Wanda tem demonstrado carisma e arrojo em suas ações policiais e administrativas levando o nome de seu departamento a receber muitos eloigos, fato que a coloca entre as mulheres homenageadas desta data.

Sharlene Serra.

Literatura

SHARLENE SERRA. Nasceu em São Luís, é graduada em Desenho Industrial, Pedagogia e especialista em Educação Inclusiva. Formadora e palestrante  educacional na área de Educação Inclusiva. Autora de 07 livros . Tem participação em inúmeras antologias nacionais. É membro da Academia Poética Brasileira; Vice-presidente da AJEB – MA; membro e sócia-fundadora da UBE/ Maranhão (Diretoria Infantojuvenil); membro  da Sociedade de Cultura Latina – Maranhão, Membro da Academia Internacional de Literatura Brasileira, Membro e fundadora da AJOLECIS Academia Joanina de Letras, ciências e Saberes Culturais.

Esmênia Miranda.

Política

Esmênia Miranda. É Vice-Prefeita da Prefeitura de São Luís, Capital do Estado do Maranhão, com foco na melhoria na vida dos ludovicenses. Ela acredita que um dos pilares mais fortes é a educação com seu caráter transformador. Recentemente recebeu da Câmara de São Luís o título de Cidadã Ludovicense. A iniciativa foi da vereadora Silvana Noely (PTB), por meio do Projeto de Decreto Legislativo nº 002/21. 

Rosana Cardoso.

Moda

ROSANA CARDOSO. Design em moda crochê é ativista cultural maranhense. Seus trabalhos ganharam o mundo e tem sido considerado de alta qualidade. especialmente os modelos coloridos, alguns usados com muita frequência pelo apresentador da TV Mulher Babaçu, performista e ator Uimar Junior, meu eterno reporter. O importante é que Rosana goza de muita admiração pelo que faz. E é considerada uma das melhores estilistas da moda do Maranhão.

Maria Lídia Tupinambá.

Ativista Indígena, no Contexto Urbano

MARIA LÍDIA TUPINAMBÁ, Professora, Pedagoga e articuladora indígena.  Atua na capital com indígenas que se encontram em contexto urbano de São Luís. Uma das organizadoras do encontro  Ximugàn Zanerekohaw (Tecendo Resistência ). Encontro dos povos indígenas do Maranhão.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias