Sábado, 27 de Novembro de 2021
23°

Alguma nebulosidade

Curitiba - PR

Galeria de fotos 1 foto

Reproduzindo mais uma bela crônica do articulista Hélcio Silva, titular do blog do Hélcio Silva

22/07/2021 às 10h35
Por: Mhario Lincoln
Compartilhe:

Hélcio Silva

Minha crônica da tarde

Entendo muito pouco ou quase nada de tecnologia eletrônica, ou de fatos ligados a ela: qualquer tablet sabe mais do que eu. Um jovem de cinco anos dá de chicote nos meus conhecimentos.

Não estou entendendo nem das minhas memórias: vez por outra, perco dados que deixei há alguns tempos nos meus armazéns sigilosos, aos cuidados de alguns neurônios..., e ainda perdi a senha.

O mais grave é que a gente sabe, por informações de cientistas renomados, que temos, em média, 100 bilhões de neurônios...

Certa vez, não muito mais do que dois anos passados, eu assistia a uma palestra do professor João Steiner sobre o Universo... e ele dizia:

“No Universo considerável existem 100 bilhões de galáxia... E esse é um número fácil de decorar, porque a Via Láctea, que é a nossa galáxia, tem 100 bilhões de estrelas..., e na cabeça de cada um de vocês existem 100 bilhões de neurônios...”

Imagem Google.

Ontem, quando tentei abrir a minha página no twitter errei diversas vezes a senha, porque entre os caracteres de números e letras estava a data do meu nascimento, e eu havia esquecido o dia em que nasci.

Tentei uma reunião com meus neurônios, porém, nada fácil, pois, quase todos os 100 bilhões deles faziam troça de mim: uma gozação dos diabos...

Todos com má vontade!

Pensando bem, eles fazem parte de tudo em nossas vidas..., e até se divertem com a gente: são agentes espirituais das nossas vidas!

Mas eu queria minha senha para abrir o twitter... Que fazer?

Telefonei para uma das minhas filhas e perguntei:

 - Filha, quando é o dia do meu aniversário?

- Pai, tu não sabes?

- Sim, não sei, esqueci...

- Pois bem, pai, teu aniversário é dia... (e deu o número)...

E assim, como eu sabia os outros caracteres, recompus e senha e entrei no twitter...

Cientistas acreditam que nossas memórias são armazenadas nas conexões entre neurônios..., por esta razão, tentei a ajuda deles!

Sinto verdadeiramente que estou perdendo alguns pontos de controle dessas conexões; razão pela qual trabalho todos os dias, lendo e escrevendo. Isso reativa a minha memória...

Ler e escrever são bons treinamentos para a memória!

Tenho dito!

Tô indo...

Até mais ver!

Eu sou Hélcio

Apenas Hélcio

Nada mais do que Hélcio...

(Abaixo, foto do autor, convidado especial do Facetubes.com.br)

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias