Quinta, 19 de Maio de 2022

Poucas nuvens

Curitiba - PR

Galeria de fotos 1 foto

VECCHIA SIGNORA . De João Batista do Lago

27/02/2022 às 13h17
Por: Mhario Lincoln
Compartilhe:
JB do Lago

Especial poeta JOÃO BATISTA DO LAGO (APB).

VECCHIA SIGNORA

De João Batista do Lago

 

A velha Madonna!

La vecchia signora!

 

Caro é o preço da tua prostituição

e por isso mesmo choras agora

a entrega do teu corpo ao D. Juan do Norte,

que te prostra em eterna submissão,

que te presenteia com guerras e revolução.

 

As tuas artérias explodem sangue

e das tuas veias, oh! La vecchia signora!

Toda tua geração lamenta e chora.

O teu beijo maternal é puro sangue!

Nele se traduz a marca da cruz.

Da tua boca jorra a paz que agora jaz

no cemitério infinito que te traduz.

 

Vês no que te tornastes, madonna mia?

Tu que fostes do humano a academia,

o berço da filosofia e a lírica da poesia;

tu, donde surgiu o Iluminismo,

não mais tens a estética do lirismo,

te perdestes na agonia dos teus desejos,

nas pobres paixões dos teus amantes,

na exploração indevida dos roubados diamantes

e na exclusão eterna dos verdadeiros amantes.

 

Hoje és, apenas, essa velha prostituta,

 

la vecchia madonna! Apenas puta!

--------------------------

Ilustração: Pablo Picasso. Les Demoiselles d Avignon (1907)  Museum of Modern

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias