Quarta, 24 de Fevereiro de 2021 23:47
[email protected]
Brasil RESENHA

Escritora Alcina Maria Silva Azevedo é colunista do importante "Jornal Cultural ROL"

Alcina comenta o livro "A Bula dos Sete Pecados", de Mhario Lincoln

23/02/2021 19h28
223
Por: Mhario Lincoln Fonte: Divulgação
capa
capa

A BULA DOS 7 PECADOS!

Autor: Mhario Lincoln, advogado, jornalista, escritor e artista de todas as artes.

Alcina Maria Silva Azevedo

Resumirei aqui um pouco da luz que me banhou, quando li este livro.

O livro é uma escada que nos leva a elevação espiritual. Ele diz: "A fé sem a ação é morta. E ninguém chega à coroa, sem o sacrifício da cruz".

Fala da Bula dos 7 Pecados, dando o antídoto para cada um.

O livro todo, traz seus versos amparados pela leveza de sentimentos e nobreza de alma.

Suas palavras são delineadas com a sutileza de um gentleman, sempre salientando o que é certo e errado. É um poeta profundamente inspirado pelas falanges espirituais divinas. Dotado de uma notável sensibilidade artística e literária. Profundo conhecedor da vida, onde traça caminhos para nos levar ao melhor. Ele sempre vê duas medidas, a entrada e saída dos problemas. Um amor que vem, mas também vai embora.

Um poeta devotado à Deus, aos familiares e amigos. Seu livro é luz!

Ele fala do absolutismo no amor "que se desnuda e muda, vai e volta, chora e grita, um amor perturbado, desalmado, falido, amor de amar nenhum".

Citando só alguns dos pensamentos que me tocaram:

"Chega de promessas. Briga com alguém, corre pra mim. Arruma outro alguém. Foge de mim"

"Preso aos teus cabelos de jasmim. Flutuar em teu espaço proibido, enfim."

"Quantas vezes matamos o cupido. Pensando matar também o amor".

"Autentica-se o amor, assim: quando junta quaisquer cores, sabores, origens ou dores... "

O livro inteiro é encantador. No final ele agradece e diz: "Tenho ainda um restinho pra viver. Viver de amor e por amor, morrer! Mas uma ideia me ocorre. Nem o amor finda, nem o poeta morre!"

Você, Mhario Lincoln viverá ainda muitos e muitos anos para nos brindar com essa riqueza poética, que acalenta o nosso coração! 

-------------------------------------

Quem é Alcina Maria Silva Azevedo:

Quem é: Alcina Maria Silva Azevedo

Natural de Cruzeiro (SP) e atualmente residente em Campinas (SP), Alcina Maria em 1980 escreveu ‘Além do Nosso Mundo’, obra lançada em 2020. De 1982 a 1986, escreveu para o jornal 'O Estado de Goiás'. Em 1983 participou do 'V Concurso Nacional de Poesias', promovido pela Revista Brasília, no qual recebeu Menção Honrosa. Em 1985 participou do 'V Concurso Nacional de Poesias ‘Raimundo Correa’, promovido pela Editora Shogum Arte, no qual recebeu o Prêmio Edição e foi convidada para trabalhar como Coordenadora Cultural em Campinas. Em 1986 coordenou ‘Salvados no Incêndio’ e Antologia de poetas brasileiros. Ganhou o prêmio de publicação Poetas Brasileiros de hoje 1986, pela editora Shogun Arte. Em 2010 publicou o livro ‘Os Descasados’ (Editora Livro Pronto: São Paulo). Em 2016 recebeu o Troféu Carlos Drummond de Andrade. Em 2019 lançou a obra ‘Um conto de Preto Babão’, segundo ela, “uma forma poética de contar histórias, tendo como pano de fundo a escravidão no Brasil”.

 

14 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
-
Atualizado às 21h00 - Fonte: Climatempo
°

Mín. 18° Máx. 26°

° Sensação
km/h Vento
% Umidade do ar
90% (20mm) Chance de chuva
Amanhã (25/02)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 24°

Sol com muitas nuvens e chuva
Sexta (26/02)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 23°

Sol com muitas nuvens e chuva
Ele1 - Criar site de notícias