Terça, 25 de Junho de 2024 09:44
editor-sênior, jornalista Mhario Lincoln
Especiais Um evento especial

Recorde de Vendas e de críticas positivas no lançamento de INA - A VIOLAÇÃO DO SAGRADO, coordenado pela Curadora Silvânia Tamer

O livro "Ina a Violação do Sagrado" (mais de 100 unidades comercializadas) é do jornalista e advogado Mhario Lincoln. Foi um evento memorável, marcado pela celebração da cultura maranhense e pelo reconhecimento do talento do autor.

07/06/2024 15h43 Atualizada há 2 semanas
Por: Mhario Lincoln Fonte: Orquídea Santos/SVT Assessoria de Comunicação
Curadora Silvânia Tamer e o jornalista investigativo Mhario Lincoln
Curadora Silvânia Tamer e o jornalista investigativo Mhario Lincoln

Orquídea Santos/SVT - Centro Cultural (Assessoria de Comunicação).

 

A alegria e descontração do ambiente no Centro Cultural SVT/Silvânia Tamer Galeria de Arte, refletiam a importância desse momento, não apenas para o autor, mas para todos os presentes que compartilhavam de sua conquista.

O encontro, realizado em torno de uma farta mesa de café com guloseimas, proporcionou um cenário perfeito para a troca de histórias e alegria entre amigos e admiradores. A sensação de camaradagem e proximidade era palpável, com todos desejando aproveitar cada minuto ao lado do homenageado.

A atmosfera de carinho e admiração era tão intensa que parecia haver uma relutância em deixá-lo partir, como se a cidade de São Luís não quisesse se despedir de um dos seus mais ilustres filhos.

Mhario Lincoln, com sua obra, se consolida como um fenômeno cultural no Maranhão, recebendo o merecido reconhecimento de sua terra natal. O aplauso de pé, ecoando no local, não apenas honrou o autor, mas também celebrou a riqueza e a vitalidade da literatura maranhense.

Foi um momento de orgulho compartilhado com todos, onde o talento e a dedicação de Mhario foram destacados pelo Prof. Doutor Sergio Tamer, como um farol para futuros escritores e artistas da região. (Abaixo):

 

Palavras do Dr. Sergio Tamer (SVT¨) sobre o autor

Filho do advogado e jurista José de Ribamar Santos e da jornalista Flor de Lys Felix, Mhario Lincoln nasceu em São Luís em 27 de março de 1954 e, como era natural, teve a sua formação intelectual e a sua atuação profissional, ora marcada pelas letras jurídicas, ora pela atividade jornalística.

Com uma formação sólida em Direito, Mhario Lincoln tem se destacado pela publicação de livros na área jurídica; e como jornalista Investigativo, ficou conhecido por suas análises aprofundadas e abordagem crítica em reportagens, além de livro publicado.

Tornou-se, assim, um renomado jornalista e advogado, mas o seu pendor para outras áreas da cultura humanística o impulsionou para o vasto campo das letras, da música e da poesia, tendo publicado dois livros de destaque no cenário literário brasileiro e internacional.

O livro "INA A VIOLAÇÃO DO SAGRADO" – que será por ele apresentado logo mais - foi premiado em Cascais, Portugal, e recebeu Menção Honrosa de resenhistas americanos. A obra também foi amplamente divulgada pela imprensa especializada de Londres.

Sobre o livro, escreveu Osvaldo Pereira Rocha: Numa construção bem elaborada entre o técnico e o místico, o autor consegue empreender um documento de grande importância para a história marítima do Brasil”.

O presidente da Sociedade dos Amigos da Marinha, no Maranhão, Silvio Lúcio de Oliveira Aguiar, destacou que “a obra aborda também a parte interessante das religiões afro-brasileiras, chamadas para ajudar na bênção e pedidos aos Orixás, para tentar parar com a sequência de acontecimentos inexplicáveis na região do Porto do Itaqui...”

José Neres, membro da AML, afirmou que: “(...). Fazendo um interessante entrelaçamento entre as ciências marítimas, as questões jurídicas, as tradições populares, os conhecimentos ocultos e as investigações de cunho jornalístico, Mhario Lincoln conseguiu o que aparentemente seria o mais difícil em um trabalho dessa envergadura: respeitar todas as autoridades constituídas, as vítimas fatais, os depoentes do povo e as entidades sagradas que de alguma forma estiveram envolvidas no fatídico episódio...”

O advogado e professor Edomir Martins de Oliveira comentou: “(...). Mhario Lincoln contribui para engrandecer a história marítima maranhense com este belo compêndio (...) onde se descobre no autor, o cronista, o pesquisador, o jornalista e o advogado que nos fala do social e do cotidiano, na linguagem do jornalismo exuberante e estimulante...!"

E para finalizar estas breves notas sobre o autor, destacamos:

          Mhario Lincoln, é membro-fundador da Academia Maranhense de Letras Jurídicas, instituição que ele ajudou a fundar no ano de 1986 - contribuindo decisivamente para o desenvolvimento do Direito no Maranhão;

          Atualmente, ele é o presidente e fundador da Academia Poética Brasileira, com sede em Curitiba, no Estado do Paraná, promovendo a valorização da poesia no Brasil;

          Comendador no Grau de Cavaleiro: Concedido pelo Estado do Maranhão, reconhecendo sua contribuição para a cultura e o Direito;

          Recebeu comendas e homenagens da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e da Academia Maranhense de Letras;

          É Embaixador Universal da Paz: Título concedido pelo CERCLE UNIVERSEL DES AMBASSADEURS DE LA PAIX, em Genebra, Suíça, uma instituição ligada à Organização das Nações Unidas (ONU);

          No campo artístico, ele é reconhecido por suas atividades como compositor, onde suas letras e músicas refletem sua paixão pela arte e pela cultura brasileiras.

Mhario Lincoln é uma figura multifacetada, cujas contribuições no campo do Direito, Jornalismo, Literatura e Música tem tido um reconhecimento internacional. Aliás, o seu trabalho contínuo em prol da cultura e da paz mundial bem reflete o seu compromisso perpétuo com a excelência e a justiça!

Prof. Dr. Sergio Tamer (SVT-Faculdade), dr. Raimundo Marques (ex-presidente da OAB-MA), o autor, Curadora Silvânia Tamer (Centro Cultural SVT) e o coronel Carlos Furtado (AMCLAM).

 

PALAVRAS DA CURADORA

Boa tarde a todos, 

É com muito orgulho que, como Curadora deste lançamento, faço a abertura desta breve solenidade. Quero destacar a importância deste evento para todos nós do Maranhão e, em particular, para o Centro Cultural SVT.

A realização de um evento cultural tão grandioso como este, é um marco significativo não somente para a cidade de São Luís, mas também para todos que se dedicam a história e a literatura.  

A obra de Mhario Lincoln tem sido uma referência em diversos países do mundo e tem recebido algumas das mais importantes premiações internacionais. Mas este evento não teria o mesmo brilhantismo sem a presença de todos vocês.

Sintam-se, portanto, todos abraçados e acolhidos da melhor forma possível. 

Gostaria de destacar de maneira especial e carinhosa a presença da esposa do Mhário Lincoln, a amiga Veridiana Santos. Ela sempre foi incansável e, diria mesmo, determinante para que este lançamento obtivesse o maior êxito possível. Em nome de Veridiana e as irmãs do autor, aqui presentes, Orquídea Santos, Dalva Lima e Marylírcia Santos, cumprimento toda a família.

Permitam-me, por fim, fazer mais um registro. Nesta plateia está presente minha mãe Zélia Bandeira, que também é escritora e do alto dos seus 86 anos, fez questão de vir pessoalmente receber o autógrafo do escritor Mhario Lincoln. 

Como dizia o mestre maranhense da pintura Antônio Almeida: "Uma das minhas asas é para voo libertário, e a outra para voar dentro de mim mesmo, me conhecendo."

Portanto, desfrutem deste momento preparado de forma muito especial para todos vocês.

Muito obrigada.

 

Pessoas queridas: Fábio, Thaís, Nilo e Mhario Lincoln

Sobre a Obra

"INA: A Violação do Sagrado" é uma obra que transcende o formato tradicional de um livro, oferecendo uma combinação única de investigação detalhada, relato técnico, e narrativa cultural. Esta edição, revisada e ampliada, aprofunda-se ainda mais nas lendas maranhenses e na atuação das religiões africanas, proporcionando uma leitura obrigatória para todos os interessados em narrativa marítima, ecológica, jurídica e de cultura popular.

A obra, assim, é rica em detalhes e apresenta descrições minuciosas do processo marítimo investigado, cujo resultado surpreendeu a muitos. Além disso, o autor explora a complexa interação entre crenças religiosas, mitos locais e realidades ecológicas, oferecendo uma visão abrangente e profunda que desafia a compreensão convencional desses temas.

Impacto e Relevância

 Desde sua primeira edição, "INA: A Violação do Sagrado" tem sido reconhecida por sua contribuição significativa ao entendimento das culturas afro-brasileiras e da ecologia marinha. A narrativa cativante e a abordagem rigorosa tornaram este livro uma referência importante para estudiosos, ambientalistas, e entusiastas da cultura popular.

A terceira edição atualizada promete trazer novas perspectivas e descobertas, consolidando ainda mais a importância desta obra no cenário literário e acadêmico. 

Evento de Lançamento

 O evento de lançamento da terceira edição atualizada do livro "INA: A Violação do Sagrado" ocorreu dia 28 de maio de 2024, no Centro de Estudos Constitucionais e de Gestão Pública, em São Luís-MA. Tornou-se um acontecimento ímpar e contou com a presença de especialistas, autores, e entusiastas da cultura popular e da ecologia. Na sessão de autógrafos e em outras modalidades, o livro INA A VIOLAÇÃO DO SAGRADO atingiu mais de 100 unidades vendidas, coroando de pleno êxito a organização de Silvânia Tamer, curadora do evento. 

 

Acima, Jean Machado, Diretor Comercial da SVT FACULDADE. Abaixo, Jéssica - Assessora da FMRB, Kecio Rabelo (presidente da FMRB),  o autor e Silvânia Tamer (Centro Cultural SVT).

 

SOBRE A CURADORA

Silvânia Tamer, curadora desta edição, é uma renomada marchande e leitora assídua, conhecida por seu trabalho dedicado à preservação e valorização da cultura. Sua curadoria traz um olhar crítico e sensível, enriquecendo ainda mais o conteúdo e a relevância do livro.

Silvânia Tamer chegou a São Luís do Maranhão em 1985 para trabalhar como fornecedora de navios (ship chandler) na empresa familiar Suprimar-Suprimentos Marítimos Ltda. Durante 10 anos, ela liderou a Diretoria Financeira da empresa. Em 1998, encerrou esse ciclo e ingressou no mundo das artes plásticas como marchande e curadora. É Diretora do Centro Cultural SVT e proprietária da Silvânia Tamer Galeria de Arte. 

Desde então, Silvânia Tamer se destacou ao organizar inúmeras exposições individuais e coletivas, promovendo artistas estaduais, nacionais e internacionais. Entre os artistas com quem trabalhou estão Fransoufer, Péricles Rocha, Ednilson Costa, Rogerio Martins, Victor Rêgo, A. Garcês, Naza, Edymar Santos, J. Barros, Botelho, Alfredo Araújo, Luzinei, Vidotti, Susana Blaser entre outros.

Seu trabalho na curadoria e como marchande tem sido fundamental para a divulgação e valorização da arte, fomentando a carreira de diversos artistas e contribuindo para o cenário cultural.

Além de seu trabalho com artes plásticas, Silvânia também se dedicou ao universo literário como coordenadora geral e curadora de escritores estaduais e nacionais. Ela organizou diversos lançamentos de livros, destacando-se a parceria com figuras importantes como o juiz de Direito Nelson Moraes Rêgo, o Professor Doutor Sergio Tamer e o jornalista e advogado Mhario Lincoln. Seu papel tem sido crucial para a promoção e valorização da literatura, enriquecendo ainda mais a cultura local e nacional.

Abaixo, algumas fotos do evento

 

48 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Keila MartaHá 2 semanas São LuísNão compareci ao evento mas vi as fotos e me transpareceram ter sido uma curadoria requintada, a altura do livro e do autor. Acredito que esse número tão significativo de vendas se deve ao título e o quanto os leitores percebem da destreza e maestria de Mhario com a escrita. Só desejo muito sucesso!
AdilsonHá 2 semanas Whats UppAMIGO MHARIO UM ABRAÇO. SAUDADES DA ADOLESCÊNCIA LICEÍSTA MUSICAL. E DA PROXIMIDADE NOSSA DE VIZINHANÇA. UM ABRAÇO FORTE. LHE ADORO.
Fátima MeloHá 2 semanas San Francisco, Califórnia Parabéns. meu velho amigo. A superação é sua marca registrada.
alcina maria silva azevedoHá 2 semanas Campinas- SPBelíssima reportagem de Silvânia Tamer. Estou ansiosa para ler essa obra gigantesca do nosso Presidente Mhario Lincoln.
Juracy Vieira, professor e artistaHá 2 semanas Bacabal MAMhario, não a conheço pessoalmente. Gostaria. Mas pelo que li e vi é uma marchand altamente competente e respeitada no mundo da arte. Pelo que vi , sua habilidade é grande em identificar talentos emergentes e obras valiosas. Ela tem um olho aguçado. A partir desse evento, passo a admirar o trabalho dela. Acho que é essa abordagem justa e ética que faz de Silvania respeitada pelos artistas todos.
Mostrar mais comentários
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Curitiba, PR
Atualizado às 08h02
11°
Chuvas esparsas

Mín. 11° Máx. 15°

11° Sensação
3 km/h Vento
97% Umidade do ar
100% (5.44mm) Chance de chuva
Amanhã (26/06)

Mín. 11° Máx. 22°

Chuvas esparsas
Amanhã (27/06)

Mín. 11° Máx. 21°

Parcialmente nublado
Ele1 - Criar site de notícias