Quinta, 19 de Maio de 2022

Nuvens esparsas

Curitiba - PR

Cultura Acre

Após projeto do governo, história e cultura de Porto Acre deve ser incluída na grade curricular do município

Em 2021, o Governo do Acre, por meio da Divisão de Patrimônio Histórico e Cultural (DPHC), da Fundação de Cultura Elias Mansour (FEM), esteve no mu...

09/04/2022 às 18h44
Por: Mhario Lincoln Fonte: Secom Acre
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Acre
Foto: Reprodução/Secom Acre

Em 2021, o Governo do Acre, por meio da Divisão de Patrimônio Histórico e Cultural (DPHC), da Fundação de Cultura Elias Mansour (FEM), esteve no município de Porto Acre, distante 58 quilômetros da capital acreana, para promover o Projeto de Reconhecimento, Fortalecimento, e Valorização do Patrimônio Histórico e Cultural do Acre.

Após alguns meses da execução do Projeto, já se pode deslumbrar os efeitos junto aos munícipes.

Nesta semana, o vereador Leandro Bezerra, estimulado pelo Projeto, apresentou na Câmara Municipal de Porto Acre, um Anteprojeto de Lei, de sua autoria, que visa inserir na grade curricular da rede de ensino do município a disciplina que estude a história do patrimônio histórico e cultural de Porto Acre, materiais e imateriais.

O parlamentar destaca a importância do projeto do Governo para a criação do Anteprojeto.

Porto Acre, onde aconteceu a rendição das tropas bolivianas. Foto: Flickr
Porto Acre, onde aconteceu a rendição das tropas bolivianas. Foto: Flickr

“A ideia é resgatar e fazer com que nossas crianças portoacrenses possam conhecer mais a fundo nossa história, e possam passar à frente. Sempre tive esse desejo de que nossa história tão linda e importante para nosso estado não se perdesse, após o encontro do projeto da FEM, aqui no município, e com as palestras e oficinas, essa chama acendeu dentro de mim”, revela o vereador.

O projeto encontra-se agora na Comissão de Legislatura e Justiça da Câmara Municipal de Porto Acre, e deve ser votado pelo Plenário da Câmara em breve.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias